Sema visita igarapé no Monte Horebe para avaliação preliminar da qualidade da água

Written by Imprensa SDS

Um curso d’água conhecido como Igarapé do Geladinho, localizado na ocupação irregular Monte Horebe, na zona norte de Manaus, foi o ponto de partida para o planejamento das ações de recuperação ambiental. Nesta sexta-feira (06/03), a Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema) esteve no local para uma avaliação prévia da qualidade do corpo hídrico e da área de entorno.

O Igarapé do Geladinho tem a nascente localizada na Área de Proteção Ambiental (APA) Adolpho Ducke. O fluxo das águas segue pelos fundos de uma área que já recebeu os atendimentos sociais do Governo do Estado e está, em grande parte, desocupada. No local, o secretário da Sema, Eduardo Taveira, identificou a situação como otimista.

“Ao visitar o local, percebemos que as funções ecológicas dessa área estão, aparentemente, bem conservadas, apesar do avanço da ocupação. Ainda assim, é necessário fazer um levantamento completo. Para isso, pretendemos trazer uma equipe com drones para realizar o mapeamento geoespacial”, disse Taveira, ao reforçar que a visita está inserida no planejamento das ações já em curso pelo Estado.

Ainda segundo o secretário, após a desocupação total, a equipe técnica de Recursos Hídricos também será envolvida nos trabalhos de campo. “O objetivo é verificar a qualidade da água nas várias partes do igarapé. A partir disso, definiremos os projetos que serão adotados para efetiva recuperação da área”, completou.

Resgate de animais – A equipe da Sema também apoiou o segundo dia de atendimento aos animais domésticos na região do Monte Horebe. A ação foi liderada pela “Equipe PET”, da deputada estadual Joana Darc (PL), com o objetivo de resgatar os animais que não puderam ser levados por seus donos durante a desocupação social.

Em 2020, a Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema) passou a incluir em seu escopo de atuação a Assessoria de Bem Estar Animal. A proposta é que o núcleo de trabalho atue na construção de políticas públicas estaduais voltadas à temática. Após a realização da atividade no Monte Horebe, a equipe vai trabalhar em conjunto para elaborar um plano de ação, caso seja necessário, para garantir o bem-estar dos animais resgatados.

A ação contou com o apoio da Companhia Independente de Policiamento com Cães (CipCães), Batalhão Ambiental, Comando de Operações Policiais (COE) e Delegacia Especializada em Meio Ambiente (Dema).

Fotos: Ricardo Oliveira